Clima

Um aspecto importante, que decididamente influiu os ingleses na escolha do sítio, na sua permanência no local e na determinação dos aspectos formais da cidade foi o clima.

Croqui esquemático do sistema estacionário

Caracterizado pelo clima serrano úmido, que resulta na constante neblina, esta densa e úmida massa de ar, que encobre inteiramente a vila, em dias e horários frequentes, porém imprevisíveis, era elemento que mais lembrava o local de origem dos ingleses, reproduzindo o aspecto do "fog" londrino.

Se caracteriza por ser super úmido, devido a elevada altitude e ao processo estacionário formado pelo encontro das massas de ar do litoral com a do interior Este processo ocorre em consequência dos ventos vindos do sudeste, que sopram constantemente do oceano para o continente e são interceptados pelas escarpas da Serra do Mar, arrastando grande quantidade de vapor d’água, que são resfriados e condensados. Isto acarreta a formação constante de densos nevoeiros e chuvas torrenciais, portanto, a região apresenta um altíssimo índice pluviométrico, que chega a 3400mm anuais, e consequentemente um elevado índice de umidade relativa no ar.

Não possui estação seca, e sua temperatura no mês mais frio não ultrapassa 18oC e no mês mais quente se mantêm inferior a 22oC.